Historial

Os Encontros de Formação, com o nome Projectos Mãe Clara, foram a principal fonte onde os leigos beberam a água límpida do Carisma da Hospitalidade.
Através desses Encontros, realizados desde 1996 até 2000, e substituídos nesse ano por novo esquema de formação, os formandos foram expressando cada vez mais sede, mais ânsia de saber e mais desejo de viver e partilhar.
Sentiam-se especialmente vocacionados a buscar Deus, tratando das coisas temporais, das realidades deste mundo, ordenando-as para Ele, através da vida doada em Hospitalidade.
 
Marco do Nascimento da Fasfhic, na Província de Santa Maria – Portugal, é a data de 5 de Dezembro de 1999.
Ficará memorável e histórica para a Congregação das Irmãs Franciscanas Hospitaleiras da Imaculada Conceição e para a Província de Santa Maria.
É marco cheio de esperança a apontar um futuro pleno de vida e alegria.
   
Após uma longa caminhada de preparação, estudo, reflexão e discernimento, 56 leigos fizeram, pela primeira vez, o pedido de adesão à Família Secular Franciscana Hospitaleira da Imaculada Conceição, depois de conhecido e estudado o ante-projecto de Estatutos.
Em Linda-a-Pastora (Queijas), junto do túmulo dos Fundadores do Carisma da Hospitalidade
- Padre Beirão e Ir. Maria Clara - estes 56 leigos emitiram o seu Compromisso Temporário, precedido de uma vigília de oração em Fátima, na Casa de Oração “Santa Maria da Porciúncula”.
De simpatizantes e amigos, são agora... irmãos e irmãs.
Naquele Ano Centenário da Páscoa eterna da Mãe Clara, encerrado jubilosamente no dia 1 de Dezembro de 1999, na Basílica de Fátima, a tenda da Hospitalidade engalanou-se de festa.
Vestiu-se de festa a nossa Casa, para acolher, no seu seio, o fruto cuidado e desenvolvido pelo carinho, empenho, acompanhamento e formação.
O compromisso definitivo de 28 leigos realiza-se a 01 de Dezembro de 2002, na Casa Mãe das Irmãs Franciscanas Hospitaleiras da Imaculada Conceição, em Linda-a-Pastora.
Ficou significativo esse dia.
Estavam lançados os alicerces da Família Secular Franciscana Hospitaleira na Congregação das Irmãs Franciscanas Hospitaleiras, que associava a si estes leigos desejosos de maior vivência cristã, segundo a Espiritualidade da Congregação.
 
 Actualmente, a Fasfhic é composta por membros com Compromisso Definitivo e membros com compromisso temporário.
Caminham em Fraternidade - e são já 15 de Norte a Sul do País - procurando fazer vida nas suas vidas o lema que norteou a vida do Padre beirão e da Mãe Clara: Onde houver o bem a fazer que se faça.
O desejo de maior perfeição de vida cristã encoraja-os a viver e a testemunhar o espírito das Bem-aventuranças, incentiva-os a colaborar com a Igreja local, impulsiona-os à transformação do mundo:
- no local de trabalho;
- na política;
- na economia;
- na sociedade.




 

 










 

Pela prática das Obras de Misericórdia, aprendidas na escola de Maria, os membros da Fasfhic procuram dar glória a Deus pelo que são e em tudo o que fazem.